A que viemos

O GEM é um grupo de estudo, pesquisa e extensão em gênero e mídia que  se propõe problematizar os processos identitários e subjetivações, com recortes em gênero, feminismos, sexualidade  e corporalidades nas  representações de  linguagens  das culturas midiáticas.

O propósito do GEM  é o de produzir conhecimentos e práticas acadêmicas e sociais  a partir das concepções da crítica aos meios de comunicação de massa e sua (re)produção patriarcal, heteronormativa e regulatória da sociedade, denunciando os efeitos de exclusão,  hierarquia,  classificação e dominação entre as relações de  alteridade de gênero e sexualidades. Como também potencializar a leitura sobre dos meios midiáticos que fogem a regulação das normas, produzindo  contra discursos de transgressão, empoderamento e pluralidade nas representações identitárias, sejam elas através dos meios alternativos, midiativismo ou nas reivenções das linguagens midiáticas..

Nosso enfoque teórico e metodológico dialoga com o pós-estruturalismo, estudos de gênero, teoria queer e estudos culturais midiáticos.