GEM debate cultura da violência contra a mulher no CCHLA

Um Grito por Elas  /   /  Por Equipe GEM

Acontece na próxima terça-feira (20), às 19h, no Centro de Ciências, Humanas, Letras e Artes (CCHLA), um debate sobre a cultura da violência contra a mulher dentro da Universidade Federal da Paraíba. O evento acontece no Auditório 412 do CCHLA.

O encontro faz parte do ciclo de palestras e discussões promovidos pelo Grupo de Estudo e Pesquisa Gênero e Mídia, para divulgar a campanha Um Grito por Elas: Mulheres da UFPB contra a violência, que propõe dar visibilidade ao número de casos de assédio e outras violências que acontecem dentro da instituição, por meio de depoimentos anônimos de estudantes, funcionários, professores e qualquer outra pessoa que mantenha vínculo com a UFPB.

14202492_308346282853677_3915544952448138759_n

O evento debate o tema da violência com a presença de pessoas que também precisam falar sobre o assunto, mas sempre trazendo a temática para a realidade vivida dentro do CCHLA. Participam a professora Margarete Almeida, coordenadora do GEM, com uma fala sobre a plataforma online Um Grito por Elas e a professora Mônica Nóbrega, diretora do CCHLA, com um discurso sobre o tema machismo e poder: mulheres na gestão.

Também estará no evento falando sobre a cultura da violência dentro do Centro, a professora Nívia Pereira, do curso de Serviço Social, a aluna também de Serviço Social, Jaqueline Barros, divulgando seu trabalho em cima da pesquisa nacional de violência contra a mulher em ambiente universitário e a aluna do curso de Filosofia, Jade Carvalho, conversando sobre mulheres trans e a violência cotidiana.

Conheça a plataforma

A plataforma online de denúncias Um Grito por Elas já recebeu nove denúncias, até o momento de funcionárias e estudantes de toda a UFPB, inclusive campi que vão além de João Pessoa. Os relatos são variados e contemplam assédio, violência psicológica e moral, e são apenas representações do que acontecem diariamente com muitas mulheres que frequentam a Universidade Federal da Paraíba. Você pode ver os depoimentos clicando na foto baixo.

depoimento

A plataforma Um Grito por Elas existe desde julho e trata-se de um projeto de extensão (Probex 2016). É uma plataforma virtual com os objetivos de visibilizar e tornar públicas as narrativas sobre os casos silenciados de assédios e violência explícitas ou simbólicas ocorridas na UFPB.

O evento de lançamento aconteceu no dia 27 de julho e contou com o apoio e parceria da ONU Mulheres, Institito Avon, OAB Mulheres e mulheres da UFPB que lutam diariamente por uma universidade mais igualitária.

Através dos depoimentos, o GEM pretende criar uma grande rede de denúncias e histórias comuns a todas nós mulheres. Desta maneira, será possível traçar uma cartografia do assédio e da violência contra a mulher na UFPB através de análise dos dados resultantes do projeto. Envie sua história!

Relacionados

Em continuação a rodada de palestras sobre violência contra a mulher em todos os Centros e campi da...

Aconteceu na última terça-feira (20) o lançamento da campanha Um Grito por Elas no Centro de...

Na manhã desta quarta-feira (27), o Grupo de Estudo e Pesquisa em Gênero e Mídia lançou a...

Deixe um comentário